Economize tempo e assuma o controle dos gastos

Mude para gestão de gastos empresariais mais inteligentes hoje mesmo

Links rápidos

Planejamento financeiro empresarial: o que é, importância e como fazer

André Apollaro

Data de publicação: 07/07/2023

planejamento financeiro empresarial
planejamento financeiro empresarial

A maioria dos empresários sabe da importância do planejamento financeiro empresarial, mas nem todos sabem como criar um plano eficaz que ajude a atingir metas de longo prazo. 

Neste artigo, vamos explorar os passos necessários para criar um plano financeiro empresarial que seja eficaz e viável, e como envolver toda a equipe nesse processo. 

Além disso, vamos rever as ferramentas e recursos disponíveis para ajudar na implementação do plano.

Boa leitura!

O que é o planejamento financeiro empresarial?

O planejamento financeiro empresarial é um processo que envolve o estabelecimento de metas e indicadores financeiros específicos, assim como a criação de estratégias para alcançá-los. As metas podem estar relacionadas à:

  • lucratividade;
  • rentabilidade;
  • eficiência operacional;
  • crescimento;
  • entre outros aspectos relevantes para a empresa.

Além disso, essas metas são importantes pois orientam as decisões e ações relacionadas às finanças e os indicadores servem como referência para avaliar o desempenho financeiro da empresa ao longo do tempo. 

Em outras palavras, o planejamento financeiro empresarial tem como papel principal o de maximizar o valor da empresa, equilibrando a geração de receitas e a administração eficiente dos recursos financeiros disponíveis. Esse processo abrange áreas como:

  • orçamento de curto e longo prazo;
  • previsões financeiras;
  • análise de investimentos;
  • gestão de fluxo de caixa;
  • estratégias de financiamento;
  • controle de custos.

Qual a importância do planejamento financeiro empresarial?

Antes de começar a guiá-lo pelos passos específicos da criação de um plano financeiro para sua empresa, é importante entender a importância desse processo. 

O planejamento financeiro empresarial não é apenas sobre manter as contas em dia, mas sim sobre desenvolver uma estratégia financeira para o futuro do seu negócio.

Por isso sua equipe deve sempre ter em mente que o sucesso financeiro não é apenas sobre fazer dinheiro, mas também sobre gerenciá-lo de forma eficaz. Ele é a chave para garantir que sua empresa esteja no caminho certo para atingir seus objetivos financeiros.

Benefícios do planejamento financeiro para empresas

Quando executado corretamente, um plano financeiro empresarial eficaz pode proporcionar muitos benefícios para sua empresa:

  1. Clareza e controle financeiro 

Ajuda a identificar as fontes de receita e despesa, permitindo que você tenha uma visão clara da situação financeira atual da empresa. Com isso, você e sua equipe podem tomar decisões informadas e controlar melhor suas finanças.

  1. Redução de custos desnecessários

Um bom planejamento financeiro empresarial ajuda a identificar áreas de economia de dinheiro e reduzir custos desnecessários. Isso ajuda a aumentar a lucratividade do negócio a longo prazo.

  1. Crescimento financeiro sustentável 

Além da redução de custos, ele também pode ajudar a identificar oportunidades de crescimento e desenvolvimento para sua empresa. Isso garante que sua empresa cresça de forma sustentável e evite problemas financeiros no futuro.

  1. Melhoria da tomada de decisões financeiras 

Com um plano financeiro empresarial em vigor, você pode tomar decisões financeiras embasadas e de forma estratégica. Isso ajuda a manter sua empresa sempre no caminho certo para atingir os objetivos financeiros.

  1. Proteção contra crises financeiras 

Talvez esse seja um dos principais benefícios de um bom planejamento financeiro: proteger sua empresa contra crises financeiras, permitindo que os gestores estejam preparados para enfrentar desafios financeiros inesperados.

Riscos de não ter um plano financeiro empresarial

Por outro lado, a falta de um plano financeiro pode levar a muitos problemas para a empresa:

  1. Gestão ineficaz de fluxo de caixa 

Sem um plano financeiro empresarial, é fácil perder o controle do fluxo de caixa da empresa, levando a problemas financeiros e dificuldades para pagar contas, salários e fornecedores.

  1. Desperdício de dinheiro e recursos 

Consequentemente, um mau controle do caixa permite gastar dinheiro em coisas que não são essenciais para o sucesso da empresa. Isso leva ao desperdício de recursos e a redução na lucratividade da empresa.

  1. Dificuldade em tomar decisões importantes 

Um planejamento financeiro elaborado permite a tomada de decisões importantes sobre finanças e investimentos. Já no caso da falta dele, pode levar a decisões financeiras ruins e a problemas financeiros a longo prazo.

  1. Falta de previsibilidade financeira 

Sem planejamento é praticamente impossível prever o futuro financeiro da empresa. Isso ocasiona problemas financeiros inesperados e a falta de estabilidade financeira.

  1. Criação de problemas financeiros frequentes 

Assim como no ponto anterior, a falta do plano financeiro cria problemas frequentes nos recursos da empresa, levando a redução na lucratividade e, consequentemente, instabilidade financeira a longo prazo.

6 passos para criar um plano financeiro empresarial eficaz

Agora que entendemos a importância do planejamento financeiro, vamos seguir os passos necessários para criar um plano empresarial eficaz.

1 – Definindo metas e objetivos financeiros de longo prazo

O primeiro passo para criar um plano financeiro empresarial é definir objetivos e metas financeiras com clareza e realismo, alinhadas com a visão da empresa a longo prazo. O objetivo financeiro deve ser claro e voltado para a criação de valor para a empresa. 

Ao definir as metas, é importante ser específico e verificar as possibilidades de alcançá-las.

Por exemplo, se sua empresa é uma loja de roupas, pode definir como objetivo financeiro aumentar a receita em 20% nos próximos dois anos, expandindo a linha de produtos e investindo em marketing.

2 – Análise da situação financeira atual da empresa

Agora que você sabe onde quer chegar, precisa entender a fundo a situação financeira atual da sua empresa, isso inclui:

  • os recursos financeiros que você tem disponíveis;
  • o dinheiro que você deve;
  • a quantidade de dinheiro que entra e sai do seu negócio;
  • receita bruta, receita líquida e o lucro bruto. 

Portanto, é indispensável fazer um balanço financeiro completo buscando entender a situação financeira da sua empresa.

Além disso, se a empresa estiver enfrentando problemas financeiros, a equipe deve identificar as causas e tomar medidas para resolvê-las.

3 – Projeção de receitas e despesas futuras

Depois dessas análises, o próximo passo é projetar as receitas e despesas futuras. Para fazer isso, é necessário acompanhar o histórico financeiro de sua empresa, assim como considerar:

  • as tendências do mercado;
  • mudanças na economia;
  • produtos que estão em alta e que estão em baixa em relação a procura dos consumidores.

Por exemplo, se sua empresa é uma padaria, é importante considerar os custos de matéria-prima, a demanda de produtos em diferentes épocas do ano e a concorrência local. 

Com base nesses fatores, é possível projetar as receitas e despesas futuras e planejar o orçamento da empresa.

4 – Estabelecimento de um orçamento empresarial

Com base na projeção de receitas, despesas futuras e na situação financeira atual, pode-se então estabelecer um orçamento empresarial para o próximo período. 

Esse orçamento é uma ferramenta essencial para a continuidade do sucesso da empresa pois ajuda a manter as despesas sob controle. Contudo, para o sucesso, o orçamento deve ser realista e refletir as metas e objetivos financeiros da empresa. 

Além disso, deve ser flexível o suficiente para acomodar mudanças nas condições do mercado ou na situação financeira da empresa.

5 – Implementação de estratégias de redução de custos e aumento de lucratividade

Com um orçamento financeiro estabelecido, é o momento de implementar estratégias para reduzir custos e aumentar a lucratividade da empresa., isso inclui:

  • melhorias de processos;
  • ajustes de preço;
  • mudanças na receita;
  • etc.

Por exemplo, se sua empresa é uma loja de móveis, você pode implementar estratégias para reduzir custos de produção, como comprar matéria-prima em grandes quantidades ou a adotar tecnologias mais eficientes. 

Além disso, também é uma opção o ajuste dos preços de produtos para aumentar a lucratividade.

6 – Monitoramento e ajustes periódicos do plano financeiro

Por fim, o mais importante é monitorar e ajustar periodicamente o plano financeiro da empresa.  Para isso, sua equipe deve estar constantemente acompanhando os números e realizando análises desse planejamento.

É importante lembrar que o plano financeiro deve ser dinâmico e adaptável às mudanças nas condições do mercado e da empresa.

Por isso, é importante revisá-lo e ajustá-lo regularmente para garantir a saúde financeira da empresa.

Ferramentas e recursos para auxiliar no planejamento financeiro empresarial

Existem várias ferramentas e recursos disponíveis para auxiliar no planejamento financeiro empresarial e podem ajudar a torná-lo mais eficiente e eficaz. Vamos abordar algumas abaixo:

Softwares de gestão financeira

Existem várias soluções de software que podem ajudar a gerenciar as finanças da sua empresa. 

Eles incluem desde planilhas eletrônicas até cartões corporativos que contam com softwares inteligentes projetados para a gestão financeira empresarial.

Consultoria financeira especializada

Consultoria financeira especializada pode ajudar a criar um plano financeiro empresarial eficaz e viável, especialmente para empresas iniciantes ou com problemas financeiros.

Cursos e treinamentos em finanças empresariais

Existem muitos cursos e treinamentos que podem ajudar a melhorar as habilidades financeiras dos empresários e da equipe. 

Os cursos vão desde os básicos como aprofundamento em ferramentas até, por exemplo, MBA em Gestão Financeira.

Como envolver a equipe no processo de planejamento financeiro

Ao envolver toda a equipe, você está encorajando a contribuição criativa e aprimorando as habilidades financeiras de todos os seus colaboradores. 

Além disso, a participação de todos na elaboração do plano financeiro empresarial pode aumentar o comprometimento com as metas e objetivos financeiros da empresa.

Comunicação clara e transparente sobre metas e objetivos financeiros

É importante que todos estejam cientes do que está acontecendo na empresa e quais são as expectativas para o futuro. Portanto, mantenha sua equipe informada sobre as metas e objetivos financeiros, a situação financeira atual e o progresso das metas. 

Além disso, encoraje a participação de todos, com sugestões e ideias para aprimorar o plano financeiro e monitorá-lo.

Por exemplo, se a meta é aumentar as vendas em 20% no próximo trimestre, explique como isso pode ser alcançado e peça sugestões da equipe. 

Quem está no dia a dia no operacional costuma ver as coisas de outro ângulo, então encoraje-os para falar, pois eles podem ter ideias valiosas sobre como melhorar a eficiência das vendas ou identificar novas oportunidades de negócios.

Incentivos e recompensas para o alcance das metas financeiras

Incentivar a equipe a alcançar as metas financeiras com recompensas e benefícios, ajuda a motivá-los a trabalhar em prol do planejamento financeiro empresarial e alcançar as metas de longo prazo. 

Por exemplo, se a meta é reduzir os custos em 10%, ofereça um bônus para a equipe se essa meta for alcançada.

Além disso, é importante reconhecer o trabalho árduo e o comprometimento da equipe ao longo das metas, agradecer a equipe pelo trabalho realizado e reconhecer o sucesso alcançado pois isso ajudará a manter a motivação e o engajamento até para as próximas metas!

Treinamento e desenvolvimento de habilidades financeiras dos colaboradores

Já mencionado anteriormente, oferecer cursos e treinamentos em finanças empresariais ajuda toda a equipe a entender a fundo as finanças da empresa e, consequentemente, reforça o compromisso deles com o planejamento financeiro empresarial.

Por exemplo, se a equipe de vendas não entender completamente como seus esforços afetam as finanças da empresa, eles podem não estar totalmente comprometidos com as metas financeiras. 

Por outro lado, ao fornecer treinamento em finanças empresariais, toda a equipe pode entender melhor como suas ações afetam o sucesso financeiro da empresa.

Além disso, o treinamento pode ajudar a desenvolver habilidades financeiras valiosas, como a capacidade de interpretar as demonstrações financeiras, analisar dados financeiros, comunicá-los e estabelecer decisões em cima desses dados. 

Isso ajuda a equipe a tomar decisões mais informadas e aprimorar o planejamento financeiro empresarial.

Conclusão: planejamento e colaboração andam juntos

Por fim, é importante ter em mente que o planejamento financeiro empresarial não é uma solução única para todos os problemas financeiros de uma empresa. Dessa forma, o plano deve ser usada em conjunto com outras estratégias de negócios para garantir o sucesso a longo prazo. 

Além disso, é importante que a empresa trabalhe em colaboração com sua equipe financeira e líderes de negócios para desenvolver um plano financeiro empresarial abrangente que leve em consideração todas as necessidades e objetivos da empresa.

Afinal, um plano financeiro empresarial eficaz não é apenas uma questão de números e orçamentos, mas também uma questão de estratégia de negócios. 

Com comunicação entre equipes e gestores a empresa consegue estar preparada para lidar com imprevistos e incertezas financeiras e estar ciente das tendências do mercado e das mudanças regulatórias que possam afetar suas finanças. 

texto sobre planejamento financeiro empresarial e imagem com texto: "Quer ver o sistema de cartões inteligentes da Payfy funcionando? Peça uma demonstração”.

Até a próxima!


André Apollaro

Founder & CEO da Payfy

Publicações relacionadas

plugins premium WordPress

Aprenda

Conteúdos e guias gratuitos sobre gestão de gastos corporativos e como utilizar nossos softwares da melhor maneira.